ENCARTE

ENCARTE

COISAS DO NORDESTE - 1997 PORTUGAL

COISAS DO NORDESTE - 1997 PORTUGAL
PORTUGAL RECEBE O NORDESTE DO BRASIL

COISAS DO NORDESTE 1995

COISAS DO NORDESTE 1995
De Goyanna para o Mundo

quarta-feira, 13 de Janeiro de 2010

quinta-feira, 24 de Dezembro de 2009

FINAL DE UM ANO, COMEÇO DE UM OUTRO



Tudo parece se resumir, neste mês... quem não fez no que passou acredita que fará no próximo. Os Projectos não realizados ficarão para o próximo que se aproxima, tudo muito romantico não fosse a realidade bater todos os dias em nossa porta.
Desejar um FELIZ NATAL e PROSPERO ANO NOVO, é simpatico, educado e costumeiro na nossa sociedade, particularmente não estou para aí virado, acredito que o homem tem que ter este sentimento diariamente, pois um dia de cada vez é REAL. Guarda toda solidariedade para um único mês (DEZEMBRO) é hipocrisia

quarta-feira, 11 de Novembro de 2009

COISAS DO NORDESTE
O Espectáculo


O Projecto Musical COISAS DO NORDESTE, foi idealizado pelo Cantor e Compositor Pernambucano , ROSILDO OLIVEIRA, e tem como objectivo divulgar a riqueza Cultural do Nordeste do Brasil. Tendo como base um disco com o mesmo título, já gravado e à disposição do público, tem o seu culminar num espectáculo, onde as danças, os sons e a energia da Região Nordeste são mostrados de uma forma simples e bela, mas não menos pulsante e envolvente, onde juntos; ritmos, poesias, danças e canções, contagiam todo o público, que desfruta do espectáculo e que não fica quieto nem indiferente, quando o Frêvo a Ciranda o Xote o Maracatú o Baião, entre outros ritmos, invadem o ambiente, criando um clima de cores e de festa único.
Através desse projecto, o artista pretende resgatar parte da história cultural do seu povo, seja através da dança, música e encenação. O músico pesquisa desde sempre a diversidade de ritmos e cancioneiros do Nordeste do Brasil; desde os cantadores, repentistas, cirandeiros, maracatús, emboladores de côco, forrozeiros e cabocolinhos. Nos festejos juninos, carnavalescos e religiosos, juntavam-se (e ainda juntam-se) a diversidade rítmica à boa disposição desse povo.
Segundo pesquisadores como Luís da Câmara Cascudo, Mário de Andrade, Waldemar de Oliveira, Ascenso Ferreira, Pereira da Costa, Théo Brandão e outros, o Folclore Nordestino bebeu nas raízes Portuguesas e Africanas. Podemos destacar ritmos como a Ciranda – Fandango – Marujada – A Barca, que desembarcaram com os Portugueses, enquanto outros, como as Congadas - Maracatús - Xangôs e Candomblés, foram trazidos pelos escravos Africanos, sem falar nas sonoridades e ritmos que já existiam e eram próprios dos nativos dessa terra: os Índios.

quarta-feira, 2 de Setembro de 2009

Após 1º Show

É sempre um prazer quando faz-se o que gosta e com quem gosta e ainda mais
com coisas da nossa terra.Foi ótimo e valeu e sempre vai ser válido um trabalho
como este.Abraço e aguardando a segunda ordem.......
SERGIO CAETANO – Serginho Bailarino

Obrigado Rosildo,
Só tenho que agradecer em fazer parte deste projeto, gostei muito da experiência e também quero muito seguir em frente com vocês.
Mais uma vez obrigado,
Veronica - Bailarina

COMENTARIO Do PUBLICO SOBRE O SHOW

Viva, Rosildo! Parabéns repetidos, mas nunca serão suficientes...
Adorei o espectáculo: o som, as músicas lindas, a cor, as
coreografias, os trajes, a alegria, a genuinidade. Gostei tanto! Não
perca nunca a garra, o prazer, a capacidade de acreditar e levar os
outros a interagir consigo duma forma tão perfeita e harmoniosa.
Talento e conhecimento tem você de sobra. Amigos que merece e sabe
acalentar, também. Então, muitas felicidades para si, muitos êxitos
musicais, muitas cumplicidades poéticas. Tudo do melhor. E até.
Teremos de falar noutras colaborações. Me aguarde. Jinhos.
Milly Barreiros

segunda-feira, 24 de Agosto de 2009

O MUNDO VAI ASSISTIR O ARRANQUE DA TEMPORADA











25 de Agosto quando o relogio marcar 22:30 horas as luzes vão se aceder no PALCo do PÃO, VINHO E COMPANHIA na cidade de Almeirim - Portugal. Estará nascendo um dos maiores espectaculo dos ultimos anos. COISAS DO NORDESTE é a junção de energia de 22 (vinte e dois) seres de LUZ, ENERGIA E SOM. Não mais a Europa vai dizer não conhecer os Ritmos do NORDESTE do Brasil. Músicos excelentes juntaram-se as obras do Pernambucano ROSILDO OLIVEIRA e junta a Dança e poesia do Nordeste fazem uma festa rica em raízes vindas de Africa e Portugal.